Preço do feijão volta a subir e deve atingir consumidores nos próximos dias

Por ser um produto típico e diário, o preço do feijão tem forte influência na mesa do brasileiro

A baixa no preço do feijão, que estava preocupando os produtores no fim do ano passado, está ficando para trás. Uma alta nos preços vem sendo apresentada nos últimos dias e a saca do tipo carioca, que chegou a ser encontrada por R$ 60 já é vendida por até R$ 110. Dois fortes fatores influenciaram esta alta, a AGF (Aquisição do Governo Federal) e a estiagem.

“A notícia de que o Governo começaria a comprar o feijão dos produtores, já influenciou o mercado, porque o grão estava sendo vendido abaixo do preço mínimo e o valor começou a subir. A estiagem nos últimos dias colaborou para que a alta nos preços fosse ainda maior”, explica Auro Nagay, diretor do Bolsinha Informativos.

Auro afirma que a alta nos preços, registrada atualmente, deve atingir aos consumidores nos próximos dias. “Hoje, os supermercados estão revendendo o feijão comprado antes da alta, mas a partir do momento que adquirirem o feijão com o preço atual, com valores mais altos, com certeza, esta diferença no valor será repassada aos consumidores”, afirma.

De acordo com um levantamento feito pela Associação Paulista de Supermercados, a Apas, divulgado no dia 30 de janeiro, o preço do feijão havia recuado 24,9% em 2013. Os dados utilizados pela associação são do Índice de Preços dos Supermercados (IPS). “Em linhas gerais, o que aconteceu com os preços do feijão faz parte da dinâmica da oferta e procura”, ressalta o economista Sérgio Silva Martins.

Para Sérgio a influência no valor de produtos como arroz e feijão na mesa do consumidor final é grande, uma vez que são produtos típicos e diários da mesa do brasileiro. “Quando há queda de preços destes itens isso provoca a eleição de outros produtos (novos ou não) para completar a cesta do mês”, ressalta.

Fonte:
Alliny Araújo
Sthefânia Gianvechio







Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>