FEIJÃO EXPORTAÇÃO

Caupis e Mung

23/03/2015 – O feijão para exportação, caupi junto,  vai ganhando atratividade na medida em que o dólar vai se mantendo com perspectiva de permanecer  acima dos três reais. A nova variedade de caupi Tumucumaque ao ser apresentada para os importadores mundo afora ganha mercado rapidamente. Cerca de ​95%  dos novos contratos  são desta variedade para embarque junho. Os produtores da região de Sorriso no MT já tem contratos firmados ao redor de R$ 50.  A área  plantada estima-se entre 130/140 mil hectares. Contratos em Mung beans ja acontecem  em R$ 120,00.

Agora, os preços de pulses sobem diante de provável escassez 
PTI 17 setembro de 2014, 06:20 IST 
NEW DELHI: Novamente o povo esta com um grande incomodo. Os preços no varejo de pulses importantes como Mung aumentaram na maior parte do país, tendo em vista provável queda na produção da safra  de lentilhas com as chuvas deficientes. 
 
Na região metrolipolitana, os consumidores Chennai estão pagando o preço bastante alto para  Tur, Urad e Mung, seguido de Delhi, Mumbai e Kolkata. Não bastasse a alta  quase recorde de cebolas e tomates estão agora enfrentando pulses caros. 
 
Austrália vê ganho na exportação de pulses para a Índia 
PULSES
Sidhartha, TNN | 20 de setembro de 2014, 06:32 IST
 Embora centrada na exportação de recursos minerais para a China, a Austrália está percebendo uma oportunidade em pulses a serem exportados para  a Índia, um produto em que a Índia é fortemente dependente de importação.
“Um dos mercados-alvo para o comércio e o  investimento do estado de Queensland é a Índia … Cerca de 18 meses atrás, investimos $ 5 milhões de doláres australianos em um programa para i adaptação de  pulses tropicais”. Isto porque reconhecem que existe um mercado forte e crescente na Índia. Estão buscando melhorar a produtividade e competitividade destes produtos disse o Secretário  do Comercio de Queensland  Tim Nicholls  a repórteres.
Ele disse que o Estado estava particularmente interessado em grão de bico e outras leguminosas pois a  Índia esta muito dependente do Canadá para atender a uma grande parte das suas necessidades de proteína. A Índia importou pulses no valor próximo a US$ 2 bilhões no ano passado, e como as chuvas de monções este ano foram mais fracas do que o normal, é esperado que o governo importe  mais pulses para manter os preços sob controle.


4 comentário(s) em “FEIJÃO EXPORTAÇÃO”

  1. Bom dia somos corretores internacionais de grãos.e gostaríamos de saber se há disponibilidade de feijão Adzuki para ofertarmos aos nossos clientes. Precisamos de preço sobre- rodas indústria e ou FOB Paranaguá ou Santos, com 3 por cento da comissão. Gostaríamos de ofertas do feijão Adzuki.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>