Destaques

Produtores de arroz podem reaver valores pagos indevidamente durante o Plano Collor. Em fevereiro, o Superior Tribunal de Justiça...

27/03/2015 11:11

Só Feijão

Só Feijão - CORREPAR - 27/03/2015 07:40

FEIJÃO-CARIOCA 

27/03/2015 – 07h30 – Após um início de semana de poucos negócios, a quinta-feira embalou. Foram negociados ontem um grande volume de produto em todo o Brasil. Na região de Castro, durante o dia, foram reportados vários negócios, a preços mais baixos, entre R$ 100, o nota 7, até R$ 120, nota 8. Já no Rio Grande do Sul, em Vacaria, negócios ocorreram entre R$ 125/135 8/9. A ordem nos supermercados é diminuir estoques e quantidades de marca. Todo o Brasil está com o pé no freio e até mesmo um produto que tem menos concorrência na gôndola, como o feijão, também entra na estratégia do varejo para enfrentar a provável enorme crise e arrocho econômico que temos no horizonte.






ITR
MIAC

Ipesa
Marambaia


Pipoca

Milho

A janela ideal fechou, o mês virou, mas o plantio do milho safrinha, em Mato Grosso, segue longe do fim. Cerca de mil hectares ainda esperam pelas plantadeiras. A safrinha 2015 no Estado será marcada como o ciclo com o maior volume de milho semeado fora do momento ideal. E com previsões de que as […]

Amendoim

Nutricionista lista benefícios do amendoim e ensina paçoquinha light

“O amendoim, com moderação, tem muitos benefícios para a saúde”, diz a nutricionista Karin Honorato, que listou as propriedades do alimento e adaptou uma receita típica das festividades juninas. Ele tem ação anti-inflamatória, é rico em gorduras boas e em ômega-3 e, por isso, ajuda a diminuir o risco de doenças cardiovasculares. As sementes guardam […]

Em SP, produtividade e preços prejudicam produtores de amendoim

Código genético do amendoim está próximo de ser sequenciado

Trigo

Trigo

Com o custo operacional de R$ 1.842,97 por hectare, apurado em fevereiro, o produtor de trigo do Rio Grande do Sul deveria receber R$ 44,95 por saco apenas para cobrir seu desembolso. Valor é 78,4% maior – ou quase R$ 20 a mais – do que o valor praticado no mercado gaúcho pelo grão, que […]

Arroz

Federarroz estuda ações por perdas do Plano Collor

Produtores de arroz podem reaver valores pagos indevidamente durante o Plano Collor. Em fevereiro, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou a revisão do índice de correção das cédulas de crédito rural do mês de março de 1990, e a Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz) está atendendo às consultas […]




APP home